Obrigado Filipe

Ora bem, cá estou. Isto foi o meu primo Filipe que me pôs nestas andanças dos blógs ou lá como é que isto se chama. Ainda não percebi muito bem para que é que isto serve, mas dizem que vocês podem intervir nisto, por isso, força aí. Parece que posso dizer tudo o que me apetecer. Asneiras também. É fixe. Quer dizer, acho estúpido vir para aqui contar a nossa vida, mas não tenho nada a ver com o que fazem os outros. Se fosse alguém, sei lá, importante ou assim. Mas, sou empregado numa bomba de gasolina. Turno da noite. Basicamente, o resumo é este. Como já disse, não venho para aqui contar a minha vida. Tenho outros planos, que passam por vender um livro com as minhas histórias. Ouve-se muito aquela frase: "A minha vida dava um filme. " A maior parte das pessoas que diz isto, não sabe de que é que está a falar. Têm meia dúzia de episódios engraçados e acham que têm material suficiente para um grande épico. Ná. Cuidado. Eu, se começasse a contar aqui a minha vida, meu Deus. É que parava tudo. É o suspense máximo, percebem?

2 comentários:

Filipe disse...

Primo. Sabes que lá por eu me ter chateado com o mundo do Blog (isto é como tudo) apoio a 101% a tua iniciativa. O que não entendi muito bem foi o título. Aquilo dos sacos, não percebi.
Abraço.

MariaOnLine disse...

Confesso que há muito não lia um blogue tão cativante. Prendeu-me madrugada adentro. Os meus parabéns.